Um estudo climatológico do efeito das gotículas espumas nas trocas de gás CO2 na interface oceano-atmosfera

Resumo: Quando a velocidade do vento é superior a 12m/s, gotículas são produzidas pelo cisalhamento da crista de ondas e lançadas na atmosfera. Enquanto as gotas estão suspensas na atmosfera, há trocas de momentum, calor e gás entre a gota e a atmosfera. Embora as contribuições para a transferência de calor e momentum sejam relativamente bem compreendidas, a contribuição para a troca gasosa,
permanece menos conhecida. O interesse em compreender esse processo de pequena escala (troca gasosa), que ocorre na interface ar-mar, tem aumentado nos últimos anos devido à sua importância
nas previsões climática. Recentes trabalhos mostram que o fluxo de CO2 induzido pelas gotículas é importante no balanço total da interface ar-mar. Esse fluxo depende diretamente de cinco parâmetros (i) gradiente de temperatura na interface ar-mar, (ii) gradiente de pressão parcial do CO2 na interface ar-mar, (iii) altura das ondas, (iv) umidade relativa e (v) velocidade do vento. Por exemplo, em situações em que a temperatura do mar é maior que a da atmosfera, as gotas transportam massa de CO2 da atmosfera para o oceano, quando as mesmas retornam para o mar.
Por outro lado, se a temperatura do ar estiver maior que a do mar, esse transporte de gás será do oceano para a atmosfera. Esses cinco parâmetros variam muito em função da região do globo, o que
exige que a análise do efeito das gotículas seja conduzida em áreas do globo terrestre. Esse projeto tem como objetivo fazer uma climatologia global desses cinco parâmetros sobre toda a superfície do oceano, para identificar as áreas com maior impacto das gotículas no fluxo da interface. Sobre essas áreas mapeadas, será aplicado um modelo numérico para estimar a contribuição do fluxo de CO2 induzido pelas gotículas em relação ao fluxo total de CO2 que ocorre à interface ar-mar. Assim, será possível mapear em quais regiões do globo é necessário introduzir o efeito do fluxo de gotículas em
simulações climáticas.

Data de início: 2022-04-01
Prazo (meses): 36

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Iury Angelo Goncalves
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910