Análise da composição química de otólitos como ferramenta para o estudo da variabilidade ambiental e dinâmica populacional de peixes

Resumo: O presente está inserido nas linhas de pesquisa “Acompanhamento biótico e abiótico de sistemas costeiros e marinhos” e “Estrutura de comunidades e populações aquáticas de sistemas costeiros e marinhos” do PPGOAM/UFES. Os objetivos gerais que norteiam as atividades a serem desenvolvidas são analisar otólitos já coletados de peixes das famílias Lutjanidae (Rhomboplites aurorubens; Oxyurus crysurus) e Serranidae (Cephalopholis fulva), para avaliar a utilização de estuários e bancos de areia localizados nas regiões marinhas costeiras e oceânicas; obter otólitos de juvenis das duas famílias citadas para caracterizar as assinaturas químicas contidas nestas estruturas e tentar determinar a provável área de cria dos adultos capturados pela frota pesqueira e implementar otólitos como ferramentas auxiliares para o estudo de mudanças globais e variabilidade climática de larga escala (décadas) através avaliação de flutuações interanuais de concentrações de determinados elementos químicos nos otólitos. Os otólitos dos adultos e juvenis serão emblocados em resina cristal e cortados em serra metalográfica em secções com espessura de 0,4 mm. Cada secção será fixada em lâmina histológica com cola de secagem rápida. As secções ja desinfetadas serão analisadas em um sistema Laser Ablation Inductively Plasma Mass Spectrometer (LA-ICPMS) composto por um laser modelo CETAC LSX 100 e um ICPMS modelo ELAN 6000, PerkinElmer – SCIEX. Os resultados serão analisados por técnicas estatísticas uni e multivariadas e publicados em revistas científicas internacionais.

Data de início: 2012-01-01
Prazo (meses): 24

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Agnaldo Silva Martins
Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910