CONTAMINAÇÃO POR FERRO EM NITOKRA sp. A PARTIR DE ENSAIOS ECOTOXICOLÓGICOS COMO FERRAMENTA DE AVALIAÇÃO AMBIENTAL

Nome: João Marcos Silva Zottele
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 11/03/2020
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Luiz Fernando Loureiro Fernandes Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Adalto Bianchini Examinador Externo
Fabian Sá Examinador Interno
Luiz Fernando Loureiro Fernandes Orientador

Resumo: Concentrações sub-letais de substâncias tóxicas, estão entre os efeitos mais prejudiciais ao meio ambiente. Organismos-testes são amplamente utilizados como ferramentas chave, para identificação de agentes toxicantes, como forma de compreender a ação danosa aos ecossistemas. Este experimento foi realizado em 45 dias, utilizando a Nitokra sp. como organismo-teste, o que possibilitou o entendimento de efeitos prejudiciais em análise geracional e de variação na proporção sexual de copépodes após exposição ao ferro. Os resultados apontaram a diminuição da produtividade e alteração no recrutamento de destes indivíduos na concentração de 0,102 mg L-1. Em concentrações de ferro acima de 0,178 mg L-1 promove uma alteração significativa na proporção sexual de machos e fêmeas com relação controle. Padrões referenciais de lançamento de efluentes são baseados na representação dos efeitos agudos em populações aquáticas, no entanto, concentrações sub-letais, menores que os valores estabelecidos como seguros pelos órgãos de vigilância têm potencial de causar interferência ao desenvolvimento dos organismos.

Acesso ao documento

Acesso à informação
Transparência Pública

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910